Livros “sobre” a Segunda Guerra!
Fica a dica

Livros “sobre” a Segunda Guerra!

Olá lindinhos e lindinhas! Tudo bem com vocês?

Gostam de livros sobre a Segunda Guerra? Eu AMO! Por isso, esse post vai para quem também gosta (ou para quem quer mudar o estilo de leitura haha): 4 livros em que a história ocorre no meio da Segunda Guerra. São livros maravilhosos e que eu sou apaixonada!

“O Diário de Anne Frank”:

Acabei de ler o diário da Anne faz pouco tempo e eu amei! Me identifiquei bastante com ela e o jeito de pensar/sentir hahaha. A Anne escrevia de uma maneira muito emocionante e eu gosto disso! Para quem não sabe, a família Frank saiu da casa onde moravam e tiveram que se esconder (por causa da guerra) durante o período de 12 de junho de 1942 até 1 de agosto de 1944 (no “Anexo Secreto”). Dentro desse período, a convivência deles e de mais uma família fica difícil e a Anne relata tudo. Não dá pra falar muito da história se não acabo dando spoiler! Tem o filme também para quem não quiser ler hahaha!

167888_1GG

“O menino do pijama listrado” de John Boyne:

É um livro com linguagem simples, curtinho, mas é impactante! John Boyne fez uma historia sobre amizade entre dois meninos totalmente opostos: um deles, Bruno, é filho de um oficial nazista. O outro, Shmuel, é um judeu que vive “do outro lado da cerca”. O mais bonito é ver a inocência das crianças e a pureza de uma amizade. Tem o filme desse livro também, mas eu não cheguei a assistir, mas dizem que é muito bom! Assim como o da Anne, vale a pena procurar e ler (ou assistir)!

12358_gg

“A menina que roubava livros” de Markus Zusak:

Simplesmente MARAVILHOSO! Eu chorei nesse livro, ele é realmente demais! Tem uma linguagem um pouco mais complicada, mas é perfeito! Nem tenho o que dizer dele só: pelo amor de Deus leiam o livro! Ou então assistam ao filme (que eu também chorei muito), é bem fiel ao livro! O livro é contado pela Morte e esse é o fato que me deixou bem curiosa. Liesel Meminger entrou a dona Morte três vezes.

O irmão morreu no colo da mãe e ela foi largada aos cuidados de Hans e Rosa Hubermman – a mãe biológica não tinha condição de cuidar dos filhos. E na mala, ela trazia o livro “O manual do coveiro”, o primeiro livro que ela “roubaria” (o moço que enterrara seu irmão deixou-o cair na neve). Ela conhece Ruby Steiner, seu melhor amigo e namorado que ela nunca teve; a mulher do prefeito (que também se tornou sua amiga). E a guerra estava transformando a Alemanha aos poucos – até… NÃO contarei o final né? Hahaha!

1859015

“Toda luz que não podemos ver” de Anthony Doerr:

Não terminei de ler esse livro ainda (no momento estou quase terminando), mas já estou pirando! É sensacional! É um livro com 526 páginas, mas quando você pega para ler, não consegue voltar à realidade! Mesmo lendo ainda, já indico para todo mundo! Conta sobre duas histórias que se cruzam (ainda não sei como, então vocês também não saberão hahaha).

Marie-Laure vive em Paris; o pai é chaveiro do Museu de História Natural; ela fica cega aos seis anos. Aos doze, a França é invadida pelos alemães e ela e o pai se refugiam na enorme casa do tio-avô, em Sain-Malo, levando o que pode ser o mais valioso tesouro do museu! A segunda história é de Werner, órfão, vive em uma região de minas na Alemanha junto com sua irmã mais nova. Eles encontram um rádio em uma pilha de lixo e aos poucos Werner torna-se especialista em concertar esses aparelhos. Um talento tão grande que vale uma vaga na escola nazista! Ambos tentam sobreviver às atrocidades da guerra e é nesse momento que eles se encontram.

 “Toda luz que não podemos ver é um romance sobre generosidade e sobrevivência e sobre o que há além do mundo visível”. Incrível né? Leiam!

42886880

Bom, essas são as dicas de leitura de hoje! Nem preciso falar o quanto é importante ler né? E não é só para o vestibular, é para a vida! Vocês já leram algum desses? Gostaram? Se souberem de algum com esse tema escreve aqui nos comentários!

Ah! Acrescentei: agora os posts serão de segunda, quarta e sexta! Uhul! Se não fica um intervalo muito grande entre uma postagem e outra né? Ouvi um “é verdade Lauren!”? Obrigada.

Küsse! (Beijos em alemão, só para combinar com o tema dos livros, hahaha!).

 

 

facebookfacebook

sobre a autora

Apaixonada por tudo que faz meu coração vibrar: moda, dança, livros, fotografia, viagens, longboard, arte (em geral), música, céu, mar, sol e lua! Sou uma pessoa de muita fé e de alto astral! Futura estudante de moda, eu quero mostrar o lado “moda como expressão da sociedade”, pois acredito que ela não é só consumismo e regras ditas!