4 séries maras para você começar no feriado!
Fica a dica

4 séries maras para você começar no feriado!

Olá pessoas lindas! Tudo bom? Espero que sim!

Hoje é dia de #FicaADica e eu trouxe 4 séries incríveis (3 eu já terminei e uma delas estou quase na metade) para vocês assistirem nesse próximo feriado do dia 12 de outubro – já pode pensar na pipoca, porque com certeza você vai querer ver todas!

Breaking Bad:

Eu sei, eu sei, Breaking Bad já é bem famosa e conhecida e foi lançada em 2008 – e eu dei uma chance para ela somente no meio esse ano! E eu posso falar para vocês: essa foi a segunda melhor série que eu assisti (só atrás de Vikings, que eu nunca superei, hahaha)!

BreakingBad

A série conta a vida do Walter White, um renomeado professor de química – mas que atualmente vive uma vida bem monótona e até infeliz, trabalhando em um lava-jato e dando aula em uma escola. Até que ele recebe a notícia de que tem um câncer incurável no pulmão – e isso abala o filho, Walter Junior e a esposa, Skyler, que está grávida.

E é a partir dessa notícia que Walt decide fabricar metanfetamina, para deixar um dinheiro para a família após sua morte – e quem o ajuda a traficar é o Jesse, um ex-aluno dele. Os dois começam uma história de aventura, drama e muitos desafios – inclusive o de que o cunhado de Walt é da Agência Anti-Drogas da polícia.

Breaking Bad é sensacional! Prende sua atenção, te envolve na história e todas as cenas são incríveis! Se você ainda não assistiu, corre agora ver um episódio – mas fica o alerta que essa série é viciante feito cristal! Hahaha!

Ozark:

Ozark é uma série de drama e suspense, original da Netflix! Por enquanto só tem uma temporada, mas já é demais e promete continuar sendo bem, digamos, UAU!

Ozark

Marty Bird é um contador financeiro – ele e o sócio lavavam dinheiro para um cartel de drogas. Até que um dia, o representante do cartel descobre que alguém anda roubando o dinheiro – só Marty consegue escapar da morte, com a promessa que iria para a região de Ozark e faria o dinheiro multiplicar em poucos meses.

E ele se muda para lá com os dois filhos, e a esposa Wendy. Porém, mal sabia ele que não seria tão fácil lavar dinheiro em uma área quase totalmente pertencente a um casal poderoso – o qual também traficam drogas. Depois disso, a vida de Marty nunca mais foi, nem será a mesma: desconfianças, golpes, mortes, sufoco – e milhões de dólares nas paredes.

Segundo meu namorado, a série é um “jogo de azar e de mal planejo” – mas para entender esse jogo, assiste o primeiro episódio que você vai ficar mega envolvido na série e vai querer mais!

As Telefonistas (Las Chicas Del Cable):

Essa série tem um “quê” de feminismo e mostra a luta pela independência das personagens -e é lógico: eu AMEI demais!

laschicasdelcable

Se hoje ainda não é fácil ser mulher, no final da década de 20 era pior ainda. Mas 4 mulheres incríveis passam por um teste – e passam – para se tornarem operadoras de telefonia em uma empresa de Madri que irá mudar totalmente o mundo das telecomunicações. Lidia, Carlota, Angeles e Marta vão embarcar em uma fase de autoconhecimento, amores, liberdade e amizade verdadeira!

Para mostrar melhor essa série que me fez brilhar o olho, abaixo tem o trailer para deixar vocês in love também:

Por enquanto, só tem a primeira temporada, mas já estão confirmadas mais duas temporadas – aguardo ansiosamente! Vocês não irão se arrepender de assistir “As Telefonistas” – já deixa na lista em primeiro lugar!

House Of Cards:

Por último, mas não menos importante, House Of Cards é daquelas séries super inteligentes que você precisa prestar atenção nos detalhes – e perceber que o que vale na política é o poder, independente se precisar matar outro candidato.

Houseofcards

Frank Underwood lidera a Câmara dos Representantes dos Estados Unidos – mas isso não basta para ele. Ele iria ocupar o cargo de Secretário de Estado, mas o presidente acaba o substituindo por outro político – a ambição e a vingança falam mais alto e não há limites para as ações de Frank.

Junto com a esposa, Claire, a qual dirige uma ONG, os dois se ajudam a manter o poder e influência, usando as pessoas como peões em um jogo de xadrez: uma jornalista que começa a se destacar, um político amigo de Frank e até mesmo o próprio presidente.

Uma das coisas que mais me chamou atenção em House Of Cards é o fato de Underwood falar seus pensamentos diretamente com a câmera, como se fosse em primeira pessoa. Eu nunca havia assistido nenhuma série assim e logo no primeiro episódio, já gostei muito!

Ainda estou na 2ª temporada, mas realmente é uma série MUITO bem produzida pela Netflix! Assistam, porque cada minuto vale a pena!

Qual dessas vocês já assistiram? Quem gostou levanta a mãozinha e comenta comigo depois hein! Hahaha! E não esqueçam de também deixarem indicações das séries preferidas de vocês!

Por hoje é só (só esse montão, hahaha), mas eu ainda volto essa semana para escrever mais para vocês!

Beijos, beijos!

facebookfacebook

sobre a autora

Apaixonada por tudo que faz meu coração vibrar: moda, dança, livros, fotografia, viagens, longboard, arte (em geral), música, céu, mar, sol e lua! Sou uma pessoa de muita fé e de alto astral! Futura estudante de moda, eu quero mostrar o lado “moda como expressão da sociedade”, pois acredito que ela não é só consumismo e regras ditas!